Dê escola, não esmola!

Além de lutar pelos direitos dos cidadãos nos serviços de assistência à saúde, a ADUSEPS também cumpre com um importante papel social. Há cerca de dez anos, a entidade civil de defesa do consumidor mantém uma iniciativa que tem por objetivo retirar crianças, adolescentes e famílias de um modo geral da dura realidade das ruas e/ou do caminho – muitas vezes, sem volta – da violência. A Escola Popular do Direito Constitucional Pequeno Cidadão, que agora já conta com duas unidades, atende a cidadãos de diferentes idades de modo a mostrá-los que a educação ainda é a maior e melhor ferramenta para uma mudança de vida, rumo ao exercício pleno da cidadania.

A Unidade I, localizada no bairro da Madalena, Zona Oeste do Recife, funciona nos turnos da manhã e da tarde e atende, atualmente, cerca de 150 menores, dos 4 aos 17 anos de idade. Lá, eles recebem aulas de Direito Constitucional e Cidadania matemática, português, inglês, espanhol, francês e educação física, nos horários em que não estão em suas escolas regulares – quem estuda pela manhã, frequenta o espaço à tarde, e vice-versa. Aos sábados, as atividades envolvem artes e recreação para os menores, que também recebem alimentação diária.

Inaugurada em março de 2015 e batizada de Palácio da Criança e do Adolescente, a segunda unidade do projeto – localizada no mesmo bairro – funciona como uma casa de acolhimento para famílias, em sua maioria, sem moradia (cinco, atualmente, residem no local). O espaço atende cerca de 50 crianças, com atividades de acordo com suas faixas etárias, e oferece atividades lúdico-pedagógicas, refeições e cuidados básicos do dia a dia.

Quem desejar contribuir com a iniciativa, através de doações de roupas, alimentos, brinquedos, fraldas, entre outros donativos, podem entrar em contato com a Aduseps pelo fone (81) 3423-5567 ou, pessoalmente, nas unidades: Rua Carlos Estevão, nº 54- Madalena (Escola I) e Rua Ricardo Salazar, nº 100 – Madalena (Escola II).

Anúncios